quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Sobre a brevidade da vida


"Pequena é a parte da vida que vivemos’ Pois todo restante não é vida, é só tempo.

"Vamos fazer um cálculo da tua existência. Conta quanto deste tempo foi tirado por um credor, uma amante, pelo poder, por um cliente. Quanto tempo foi tirado pelas brigas conjugais,pelo dever das idas e vindas pela cidade.
Acrescenta ainda as doenças causadas pelas nossas próprias mãos e também todo o tempo desperdiçado .
Verás que tem menos anos do que contas?
Quantas vezes o dia transcorreu como o planejado?
Quando usaste teu tempo contigo mesmo?
Quando mantiveste uma boa aparência, o espírito tranqüilo?
Quantas obras fizestes para ti com um tempo tão longo?
Quantos não esbanjaram a tua vida sem que notasses o que estava perdendo?
O quanto da tua existência não foi retirado pelos sofrimentos sem necessidade, tolos contentamentos, paixões ávidas, conversas inúteis, e quão pouco te restou do era teu?
“Compreenderás que morre cedo”
Em questão, viveste como se fosses viver para sempre, nunca te ocorreu a tua fragilidade.
Não te dás conta de quanto tempo já transcorreu?
Como se fosse pleno e abundante o desperdiças e, nesse ínterim, o tempo que dedicas a alguém ou alguma coisa talvez seja teu último dia.
Temes todas as coisas como os mortais, desejas outras tantas como os imortais.
Ouvirás a maioria dizendo: “Aos cinqüenta anos me dedicarei ao ócio.”
“Aos sessenta, ficarei livre de todos os meus encargos”
“Que certeza tens de que há uma vida tão longa?
O que garante que as coisas se darão como dispões?
Não te envergonhes de destinar par ti somente os resquícios da vida e reservar para meditação somente a idade que já não é produtiva?...

Um trecho do livro sobre a brevidade da vida do filósofo e dramaturgo :
Lucio Anneo Sêneca, que, no momento leio
Nos faz pensar no modo como empregamos nosso tempo.
Edna Campos.

19 comentários:

  1. muito bom, tenho medo desse tema, a vida é curta,, bjus querida, tere.

    ResponderExcluir
  2. Um tema profundo e uma hora ou outra, temos que nos defrontar... beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Edna, lindo texto, penso muito nisso, temos que dar mais valor as pessoas que estão ao nosso lado, aos momentos que vivemos, deixar tanta coisa boba, momento presente, momento precioso.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Minha querida

    Uma verdade mesmo...é a coisa que temos certa mesmo, o resto é apenas tempo.

    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  5. Grande verdade nessa linda mensagem.Edna,é por isso mesmo que precisamos valorizar tudo mesmo o que aparentemente possa parecer ruim porque pode servir como aprendizado.
    Passo rapidamente pra deixar meu abraço nesse fim de semana prolongado.Tudo de bom por aí!

    ResponderExcluir
  6. Edna,que riqueza de texto!Muito a aprender por aqui,adorei!bjs,

    ResponderExcluir
  7. Ola Amiga, Vim lhe desejar um Bom Carnaval, coberto de muita alegria e Paz!
    abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  8. Querida amiga

    Penso que a maior
    parte do nosso tempo
    perdemos em coisas
    sem sentido,
    com pessoas sem sentido,
    com desejos sem sentido...

    Que sempre existam
    sonhos a habitar teu coração

    ResponderExcluir
  9. O texto que você faz é poesia pura! Feliz carnaval, como não gosto vou sair pedalando por aí e quem sabe fotografo. Bj

    ResponderExcluir
  10. Linda mensagem Edna!

    Bom feriadão!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Bela mensagem.Valeu pela reflexão que o texto oportunizou.Viver é uma arte.
    Seja feliz.Muito amor e alegria sempre.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  12. ...que coisa mais sábia
    de se ler!

    palavras profundas e verdadeiras.

    um beijo, alma linda!

    ResponderExcluir
  13. Olá!Boa tarde!
    Belo texto de reflexão!
    "Aproveitem cada segundo como se fosse o último. Desejando sempre o bem para os outros. Nada nessa vida tem mais valor do que o Amor. Que ele esteja sempre presente em sua vida. E que o tempo dedicado à Viver seja maior que o Resto"
    Obrigado pela visita, comentário e participação em meu blog!
    Muito feliz e honrado!
    Boa terça!
    beijos carinhosos!

    “Quem mata o tempo não é assassino: é suicida.”

    ResponderExcluir
  14. Edna, tempo, um tema que muitas vezes me assusta, mas temos que tentar encarar com naturalidade e bem vivê-lo.

    Adorei o texto, pra mim serviu como uma boa reflexão.
    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  15. Estou passando mais cedo para desejar um feliz final de semana.
    Meu fim de semana se Deus quiser será muito feliz e com certeza Deus quer.
    Na sexta se casa meu neto logo serei bisa que benção não é mesmo?
    Com alegria vendo minha terceira geração.
    Um lindo e abençoado final de semana.
    Fique com Deus e os carinhos meus.
    Como sou feliz em saber que és uma amizade fiel!!!.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  16. São boas perguntas, sem dúvida!

    Quem ousa dizer ao contrário?

    Saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  17. Olá Edna,
    Que interessante, sabes que eu nunca tinha pensado nesse tempo que perdemos e não nos damos conta? Muito bom seu texto! Bela postagem, amiga!
    Um ótimo final de semana e um carinhoso beijo para você, querida.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  18. Acho que o tempo tem me ensinado de uma forma às vezes dura toda a dinâmica da brevidade da vida terrena!

    ResponderExcluir

"Durante nossa vida conhecemos pessoas que vem e ficam.
Outras que vem e passam.
Existem aquelas que vem, ficam e depois se vão.
Mas existem aquelas que vem e se vão com uma enorme vontade ficar."
Charles Chaplin.
Obrigada pelo seu comentário. Bjs.